#PraCegoVer Na foto, o giroflex de uma viatura policial
- Foto ilustrativa | Divulgação

Por duas vezes a Polícia Militar de Braço do Norte foi chamada para socorrer a mesma mulher na noite deste sábado (16). Na primeira ocorrência, a moradora do bairro Pinheiral contou aos policiais que o companheiro saiu e retornou transtornado, sob o efeito de drogas. Quando chegou em casa, passou a agredir ela e seus filhos. A mulher está grávida de dois meses. No meio da gritaria, ela falou que iria chamar a polícia e o sujeito saiu correndo do local. Quando a guarnição chegou no endereço, a mulher estava assustada com a situação e disse que ele tinha se embrenhado em um matagal, nos fundos da residência. A PM chegou a realizar buscas pelo local, mas não encontrou o homem.

Os policiais orientaram a mulher quanto aos seus direitos e foram embora, após registrar a ocorrência. Minutos depois, a mesma Radiopatrulha recebeu outro chamado: o homem havia retomado para casa e novamente passou a agredir a mulher e as crianças. Ele a ameaçou e disse que se a policia fosse novamente chamada matéria ela e as crianças. Com muito medo, a mulher pegou os filhos e correu para a casa da vizinha. Ela chamou novamente a PM, fez o registro e disse que passaria a noite ali, pois tinha medo de voltar para casa. A mulher foi orientada a procurar a Delegacia de Polícia Civil e solicitar uma medida protetiva de urgência contra o companheiro.

Fonte: 35º Batalhão de Polícia Militar em Braço do Norte
Edição: Zahyra Mattar | Notisul

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul