Navegantes

Um homem de 20 anos foi morto na madrugada de segunda-feira (4) pela Polícia Militar, após suspeita de atirar contra uma mulher de 33 anos que deu carona para ele em Navegantes, no Vale do Itajaí. A motorista está internada.

Segundo a PM, a mulher levou quatro tiros dentro do próprio carro. Ela tinha oferecido uma carona para o suspeito até o ferry boat, saindo de uma lanchonete.

O homem que pegou a carona tirou a chave da ignição quando o carro parou. Ele foi até a porta da motorista e atirou.

A vítima foi atingida nos dois braços, na barriga e no pescoço. Ela está internada nesta segunda-feira e espera cirurgia para reconstrução de osso quebrado pela bala. A mulher falou que o homem queria roubar o carro dela.

A polícia foi chamada e ele fugiu para um pátio de uma escola. Quando foi encontrado pelos policiais, o homem atirou. Os policiais revidaram e ele morreu com a arma na mão.

Outros casos

Ainda em Navegantes, no sábado (2), outra mulher foi vítima de violência às margens da BR-470. Segundo a PM, as agressões começaram dentro do carro, feitas pelo marido embriagado. O homem foi preso pela PM.

A mulher conseguiu sair do veículo, com a filha de seis meses, em um posto de combustível. Ela se trancou no banheiro do estabelecimento, mas o marido invadiu o local e continuou as agressões.

Ele ainda tentou arrastá-la de volta até o carro, mas os policiais que estavam em uma viatura que estava passando na região o deteve.

Em Blumenau, também no sábado, um homem espancou e tentou atirar contra a mulher, de 20 anos. A vítima conseguiu correr, encontrou uma viatura da PM e o companheiro foi preso.

Segundo a PM, a agressão ocorreu dentro de casa, com o marido dando chutes nas pernas e socos no rosto da mulher. Ele tentou atirar contra ela, mas a arma falhou.