Camaquã (RS)

Um criminoso invadiu uma residência localizada na Rua Marcírio Dias Longaray, no bairro Olaria, na noite deste sábado (19). As vítimas estavam em casa com a grade fechada com cadeado, mas com a porta aberta, momento em que o criminoso invadiu a casa, armado com uma faca, pegou o filho do casal de 1 ano e 8 meses e colocou a faca na barriga da criança, ameaçando matar o bebê se os pais não fizessem o que ele mandava.

Neste momento, a mãe do menino conseguiu sair para rua pedindo socorro aos vizinhos e o pai foi obrigado a entregar uma TV que estava afixada ao painel. Como o televisor estava parafusado e demorou para ser retirada, o bandido encostou a faca nas costas do pai da criança e também o ameaçou de morte. Após entregar a TV, o criminoso ordenou que o pai também saísse de casa, ficando com o menino como refém enquanto pegava uma bicicleta e dois telefones celulares. Depois disso, ele fugiu levando a criança, ameaçando matá-lo se fosse seguido.

Quando estava distante cerca de 30 metros, deixou a criança no meio da rua e fugiu para o interior do bairro Getúlio Vargas, que faz divisa com o bairro Olaria pela Rua Marcírio Dias Longaray.

A Brigada Militar foi até o local e realizou buscas. Na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) os plantonistas conseguiram a identificação do indivíduo. Durante o registro do crime, a Brigada Militar foi informada que populares teriam detido o assaltante no bairro Getúlio Vargas, então os policiais militares retornaram até o local, mas o criminoso teria conseguido fugir, abandonando em via pública a TV que foi roubada.

Por motivos legais a Polícia Civil comunicou que não pode divulgar o nome do autor do roubo, mas a informação é de que ele tem 27 anos, responde por 36 ocorrências com passagens por furtos, roubos e tráfico de entorpecentes. Já foi preso em flagrante por duas vezes e o máximo que permaneceu foi 3 dias no Presídio Estadual de Camaquã. A Polícia Civil vai realizar diligências para localizar o ladrão.