Não é piada de mau gosto, é verdade mesmo. Uma moradora do bairro Planalto, em General Carneiro, no sul do Paraná, foi até o Pelotão da Polícia Militar do município para se queixa do próprio irmão.

É que o denunciado foi até o cemitério do Bairro Planalto, violou a sepultura do próprio pai e roubou o dente de ouro do falecido.

Não contente, o irmão, não identificado na ocorrência, ainda passou a mão no chapéu que foi enterrado com a vítima.

A Polícia Militar procura o meliante, que fugiu com o objeto de valor da boca do próprio pai.

A ocorrência foi registrada na segunda-feira, 21, mas a violação e o furto teria ocorrido no domingo, 20. A irmã revoltada, pediu as providências à PM de General.