Morreu na noite desta segunda-feira (17) a vítima de feminicídio ferida por pelo menos 13 facadas na cabeça, em Porto Belo. Segundo a Polícia Militar, ela sofreu perfurações na região da face e crânio.

O crime ocorreu no início da manhã desta segunda-feira no Sertão da Santa Luzia. A vítima Iraci Satunino da Silva, 66 anos, foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para o Hospital São José de Tijucas, sendo posteriormente transferida pelo Helicóptero Arcanjo 01 para o Hospital Regional em São José.

Iraci não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito horas depois na unidade hospitalar. Familiares acreditam que o próprio companheiro da vítima, um idoso de 78 anos, identificado somente como Arlindo, seria o principal suspeito. O autor do assassinato segue foragido.

A Polícia Civil segue as investigações na tentativa de localizar e prender o culpado.

————-

Casos de feminicídio em SC dobram 

Os casos de feminicídios em Santa Catarina praticamente dobraram nos primeiros meses de 2019, quando comparados ao mesmo período do ano passado. Entre 1º de janeiro e 5 de abril, 15 mulheres acabaram mortas apenas pelo fato de serem do sexo feminino ou foram vítimas de violência doméstica.

Oito casos foram registrados nos primeiros meses de 2018 no mesmo período. Os números são da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP).