O ex-padrasto, Samuel Terres da Costa, de 30 anos, confessou para a Polícia Militar na manhã desta quarta-feira, 27, ter assassinado a menina de 2 anos que foi encontrada morta dentro de casa na rua Rudolf Margraiter, no Centro de Treze Tílias, Oeste Catarinense, na noite desta terça-feira, 26.

De acordo com informações, ele teria ligado para a PM e entregue o local onde estava e confessado o crime. Até o momento não tem informações do que teria motivado o assassinato.

Desfecho

Samuel foi encaminhado à delegacia para prestar depoimento e, após, será levado ao presídio regional de Joaçaba.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: O Município