Laguna

Dois homens acusados pela prática de estupro de vulnerável foram presos na região neste sábado. Agora, estão atrás das grades em unidades prisionais. Em ambos os casos, eles foram detidos por força de mandados de prisão expedidos pelos judiciários de Laguna e Jaguaruna. 

Um deles, 52 anos, estava em sua casa, no bairro Vila Vitória, na Cidade Juliana, quando foi abordado pela equipe da Divisão de Investigação Criminal (DIC), que cumpriu a ordem judicial com o apoio da Polícia Militar.

Ao ser levado para a DIC, o homem chorava muito. Mas, seu histórico criminal é deprimente. Ele abusou sexualmente de uma menina de 3 anos, em 2002, em Cocal do Sul. 

Durante mais de dez anos, teve uma vida normal, sem despertar desconfiança do crime cometido. Morava em Laguna, possuía ligação com uma igreja (religião não revelada) e respondia o processo em liberdade. 

Em 2013, o homem fez mais uma vítima. A menina tinha somente 2 anos e o processo corre em segredo de justiça. O agressor foi conduzido para a Unidade Prisional Avançada (UPA) do município. 

O outro caso ocorreu em Jaguaruna. O homem de 60 anos cometeu o crime contra uma menina de 8 anos, em 2012. A vítima morava na mesma localidade do acusado. Agora, ele foi ‘esquentar uma cela’ no Presídio Regional de Tubarão.