Um crime de lesão corporal leve foi registrado nesta segunda-feira (22), em Tubarão. A guarnição foi acionada, via Central Regional de Emergências, para atender a ocorrência em que uma mulher estaria em surto.

No local, a guarnição conversou com a solicitante e vitima que relatou trabalhar na loja de celulares. Ela contou que uma mulher havia retornado em sua loja após realizar um
conserto em seu celular, e desta vez ela queria o reembolso do dinheiro do conserto, por que, segundo ela, o celular havia danificado novamente e seria devido ao conserto.

Porém a atendente explicou que o dano no celular desta vez seria em uma área diferente da qual foi consertada. Foi consertado no primeiro momento o conector de entrada do carregador, e também trocado sua bateria, e no retorno na loja o celular apresentava um dano na tela do celular.

Após tentativas de conversar com a mulher, esta começou a jogar objetos no chão e quando a vítima se aproximou foi agredida no pescoço e tórax com arranhões. No momento da chegada da guarnição, a mulher, posteriormente identificada, estava muito
alterada e com conversas agressivas inclusive com os policiais.

No primeiro momento foi possível acalmá-la, mas ela tinha altos e baixos, e em vários momentos gritava e apontava o dedo para a guarnição. Em dado momento ela deu um soco na mesa, também usava de palavras como ” eu uso medicações, e ninguém pode fazer nada comigo, nem vocês policiais”.

A guarnição, após identificar a autora, optou por acionar o serviço de atendimento de Urgência, porém ela saiu antes do local. Sendo assim, não foi possível ouvir a versão da autora tão pouco, as assinaturas de quaisquer documentos, dado o estado em que se encontrava.

Vale ressaltar que a autora saiu do local deixando para trás seu telefone.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul