A Polícia Rodoviária Federal realizou fiscalização intensa no último fim de semana, e flagrou 284 motoristas dirigindo sob efeito de álcool nas rodovias federais de Santa Catarina.

Além disso, outros 181 ocupantes de veículos foram flagrados sem cinto de segurança e 76 motoristas foram multados por realizarem ultrapassagem em local proibido. Boa parte dos flagrantes aconteceu na BR-282, na região de Rancho Queimado, local montanhoso com altos índices de acidentes.

As ultrapassagens indevidas são a principal causa das colisões frontais, tipo de acidente que mais mata nas rodovias do Estado. Além do risco de acidente, ultrapassar em faixa amarela contínua é acarreta em multa no valor de R$ 1.467,35, além de descontar sete pontos na carteira de habilitação.

Ainda foram flagrados 54 veículos transportando crianças sem o uso de cadeirinha. No total, 1.865 motoristas foram multados no fim de semana. Quanto aos acidentes, a PRF registrou 70 caso, com um saldo de 94 feridos e quatro mortes. Os quatro acidentes com morte ocorreram nas BRs 101, 282 (duas mortes) e 470. Das quatro mortes, duas foram de motociclistas (21 e 23 anos), ambas na BR-282.