Investigações, feitas pela Divisão de Repressão a Roubos (DRR/DIC) da Polícia Civil em Criciúma, com apoio da Polícia Científica, indiciou um homem pelos crimes dois suspeitos de receptarem os produtos roubados - Foto: Polícia Civil de Santa Catarina

Em razão do volume de situações de não pagamento de pensão alimentícia na Comarca de Braço do Norte, a Delegacia de Polícia Civil da cidade deflagrou, nesta terça-feira (1º), a Operação Adimplemento. Dois mandados de prisão cíveis foram cumpridos na região do Vale: um em Braço do Norte e outro em São Ludgero.

A prisão pelo não pagamento da pensão é derivada de processo cível e não criminal. Não há prática de infração penal, mas sim de inadimplência da obrigação alimentar. A operação continuará na Comarca e outros mandados de prisão cível ativos serão cumpridos.

A ação visa, principalmente, minimizar as privações que as crianças e adolescentes credoras de pensão alimentícia têm passado por falta desse pagamento. Os dois homens detidos nesta terça-feira, ficarão presos até que a dívida seja paga, por ele ou familiares. Ambos foram encaminhados para o Presídio Regional de Tubarão.

 

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul