No final da manhã desta quarta-feira (3), foi registrado o primeiro homicídio do ano em Turvo, quinto no Vale do Araranguá. A tragédia chamou a atenção dos vizinhos e parentes, pois o crime envolveu irmãos, sendo que um tirou a vida do outro. O crime ocorreu na casa da vítima localizada na Rua Jorge Lacerda, no bairro São Cristóvão.

Conforme o Sargento Guizzo, do 19º BPM, a Polícia Militar foi acionada por volta das 12h45min, por uma pessoa que ao passar em frente ao imóvel, viu um homem caído na lateral, próximo ao portão da garagem. “Quando chegamos na casa, confirmamos o fato e acionamos o Corpo de Bombeiros que constatou a morte da vítima. No interior estava o irmão, o qual o prendemos em flagrante, pois confessou o crime dizendo que havia atirado meia hora antes de sermos acionados. Na casa também apreendemos duas armas de fogo, uma usada no crime”, ponderou o Sargento.

A PM isolou a área até a chegada da Polícia Civil, Instituto Geral de Perícia (IGP) e Instituto Médico Legal (IML). Na cena do crime foi constatado que Daniel Han Favaro de 32 anos foi alvejado no peito ao chegar em casa, sendo que o autor do disparo, Danilson Han Favaro de 23 anos, o aguardava sentado na escadaria nos fundos de casa.

Daniel ao ser alvejado no peito por uma espingarda garrucha calibre .32, correu pela garagem e cambaleando, caiu morto próximo ao portão. Danilson ficou na casa sendo preso em flagrante e conforme a PM, sem esboçar nenhuma reação. Além da garrucha, um revólver calibre .22 e várias munições de calibre .32, também foram apreendidas.

De acordo com o delegado Bruno Sinibaldi, Titular da delegacia de Polícia Civil de Turvo, o acusado confessou o crime, afirmando que sabia da existência das armas e que esperou o irmão chegar em casa, o alvejando no peito. “Há três anos os irmãos tem desavenças, sendo que algumas vezes o irmão mais novo saiu de casa, voltando tempos depois. Hoje, a motivação segundo levantado no local dos fatos com o autor confesso, teria sido um veículo Golf que um teria comprado e colocado no nome do irmão e algo teria ocorrido, deixando autor desnorteado, fazendo ele tirar a vida do próprio irmão”, esclareceu a autoridade policial, que não descarta que o crime tenha sido premeditado.

Danilson foi preso em flagrante e levado à delegacia de Turvo onde foi autuado pelo homicídio. As armas foram apreendidas e passarão por perícia.

Moradores das proximidades, vizinhos e parentes, acompanharam os trabalhos dos órgãos de segurança e algumas pessoas foram ouvidas pelo delegado. No local também compareceu a Polícia Ambiental, pois nos fundos da casa havia vários galos de rinha.