Tubarão

O delegado Damásio Mendes Brito, da Central de Polícia de Tubarão, começou a ouvir os envolvidos na suposta compra de votos realizada nos últimos dias 2 e 3. Vários eleitores e o ex-candidato a deputado estadual Douglas Antunes devem prestar esclarecimentos nos próximos dias sobre a denúncia.

O inquérito, que iniciou no último dia 6, deve ser concluído somente no fim do próximo mês. O Ministério Público pediu prioridade.
Alguns eleitores garantem ter recebido vales-alimentação no valor de R$ 50,00 em nome do Supermercado Ofertex, no KM 60. O gerente do estabelecimento, Silvanio Geremias, avisou que os vales eram falsos e registrou boletim de ocorrência por estelionato.

Douglas afirma que alguém usou o seu nome e ‘armou’ contra ele. Os eleitores lamentaram que os vales são falsos, alguns ainda tinham esperança de receber os tíquetes verdadeiros para poderem trocar por comida no supermercado. Só a justiça dirá se alguém é culpado.