Um dos locais mais prejudicados foi o berçário. Foto: Marco Bocão/Prefeitura de Laguna/Divulgação/Notisul
Um dos locais mais prejudicados foi o berçário. Foto: Marco Bocão/Prefeitura de Laguna/Divulgação/Notisul

Mirna Graciela
Laguna

Depois dos terríveis atos de vandalismo praticados na Igreja Católica do Farol de Santa Marta, em Laguna, agora foi a vez da Creche Municipal Pequeno Cisne, no bairro Portinho, sofrer depredações. Quatro pessoas – duas crianças e dois adolescentes – foram apreendidos ontem à tarde pelo ato infracional e conduzidos à delegacia.

Além de bagunçar a instituição e escrever palavrões nas paredes neste domingo à tarde, o grupo furtou muitos materiais escolares: livros, cadernos, brinquedos, entre outros. Mas o ‘rombo’ seria ainda maior, pois havia outros objetos separados para levar mais tarde como uma televisão e um aparelho de DVD.

A ação foi impedida porque o alarme disparou quando eles quebraram uma janela para pegar ao computador na sala da diretora. Um Guarda Municipal que estava de plantão escutou o barulho e acionou reforço. A Polícia Militar também foi na creche.

O local mais prejudicado foi o berçário, sem contar com os banheiros que foram entupidos com objetos. Tudo indica que entraram pelo telhado.
A comunidade colaborou bastante nas investigações da Polícia Civil. Os quatro, de 9, 11, 13 e 14 anos, estavam acompanhados do Conselho tutelar. Apenas um é menino e um ainda estuda na instituição.
Na casa das duas meninas de mais idade foram encontrados todos os objetos furtados. Em depoimento à delegada Madge Branco, os garotos disseram mão ter motivo para cometer o ato infracional.

O grupo foi liderado pela menina de 14 anos. O caso dela será levado ao Ministério Público. Os pais assinaram um termo circunstanciado e serão encaminhados para programas sociais do governo municipal, juntamente com os seus filhos.
Hoje, será feito um mutirão para limpar a creche, que atende uma média de 250 crianças em período integral.

Conforme o Estatuto da Criança

• De 0 a 11 anos
crianças

• De 12 a 17 anos
adolescentes

• De 18 para cima
adultos.

Igreja em Laguna também foi alvo de vandalismo

Na semana passada, a Igreja Católica na Prainha do Farol de Santa Marta, em Laguna, foi invadida por vândalos. Os moradores estão perplexos com o ocorrido – fato nunca registrado antes no balneário.
Os criminosos arrombaram a porta, arrancaram a imagem de Cristo da cruz, quebraram alguns santos e jogaram outros na beira do mar. Um foi virado com o rosto para a parede.
Eles ainda evacuaram no tapete do altar e usaram a toalha de batismo para se limpar. Também tentaram colocar fogo no local. Na rua, três lixeiras foram derrubadas e uma placa de sinalização arrancada.