Sebastião Martins Castilho, de 2 anos, que morreu no sábado, 26, depois de ter se afogado na Lagoa do Imaruí, em Cabeçuda, foi sepultado após missa de corpo presente no cemitério de Laranjeiras, em Pescaria Brava, às 17h, deste domingo, 27. O velório ocorreu desde as primeiras horas desta manhã na capela mortuária da Igreja São Pedro Apóstolo, em Cabeçuda, bairro onde a família residia.

O menino foi encontrado desacordado na água perto do meio-dia de sábado pela família, após ter desaparecido. Ele foi levado pelos pais até o quartel dos bombeiros, no Portinho, onde recebeu os primeiros atendimentos e foi encaminhado às pressas para o hospital de Laguna. Sebastião teve afogamento de grau seis, com parada cardiorrespiratória, que foi revertida pelos socorristas.

Devido à gravidade do estado clínico, foi transferido para o Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão. A criança foi internada na UTI Neonatal, onde teve morte cerebral detectada na mesma noite. A família autorizou a doação de órgãos.

Prefeitura suspende aulas em centro de educação infantil

Em suas páginas nas redes sociais, a prefeitura de Laguna lamentou a morte de Sebastião, que era aluno do Centro de Educação Infantil Pequeno Príncipe, de Cabeçuda. Ao Portal, a secretária de Educação e Esportes, Janaína Preve, informou que a as aulas na unidade serão suspensas nesta segunda-feira, 28, em virtude do falecimento do menino.