Tubarão

Uma investida certeira e rápida da equipe de investigação da Polícia Civil de Tubarão retirou cinco pessoas acusada de tráfico de drogas de circulação. Quatro adultos (três mulheres e um homem) e um adolescente foram detidos após uma denúncia anônima feita à Central de Polícia. Os policiais foram à casa, localizada na rua Teresa Cristina, no bairro Oficinas, e confirmaram as informações.

Seis pedras da droga estavam em cima de uma cama, onde o trabalho de embalagem era feito. Outras 70 pedras foram descartadas no vaso sanitário. Mas os investigadores conseguiram remover a louça e recuperar a droga. O restante do entorpecente foi encontrado depois, quando os acusados começaram a ser interrogados. O homem não respondia às perguntas. E logo descobriu-se por que: a boca estava ocupada guardando cerca de 94 pedras de crack.

Cada pedra da droga é vendida por R$ 5,00. A quantidade apreendida renderia até R$ 850,00. Uma das mulheres presas já era investigada pela polícia. Todos os adultos foram encaminhados para o Presídio Regional de Tubarão. O adolescente para o Centro de Internamento Provisório (CIP).