A Polícia Rodoviária Federal prendeu em flagrante, na noite deste domingo (23), um condutor embriagado após fugir de um acidente em Vacaria. O motorista conduzia um veículo Fiat/Uno vermelho.

De acordo com informações da PRF, ele teria colidido lateralmente em um Fiat/Pálio e fugido em direção a um bairro próximo a sede da polícia. Com as características do veículo em fuga, os agentes iniciaram buscas e o encontraram o carro batido e o condutor dormindo dentro do carro.

Ao ser abordado e acordado, o motorista passou pelo exame do etilômetro, que constatou em 1,82 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Índice que extrapola em mais de 400% o limite estipulado por lei, que é de 0,33%, enquadrando o condutor por crime de embriaguez ao volante.

Conforme a PRF, esse resultado já é considerado um dos mais elevados registrados nas rodovias Federais do Rio Grande do Sul. O homem flagrado dirigindo sob o efeito de álcool tem 36 anos e não teve a identidade revelada pela polícia. Para agravar ainda mais a situação o acusado não era habilitado.

Quanto ao acidente entre o Uno e a Pálio Weekend, foram registrados apenas danos materiais. As multas a serem pagas pelo motorista passa de R$ 4.500. Ele foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia de polícia de Vacaria.