Capivari de Baixo

Uma mulher pediu medidas protetivas de urgência, após ter sido proibida pelo companheiro de entrar na própria casa, em Capivari de Baixo. A vítima procurou a delegacia, informando que há dois dias, o homem não a deixava entrar em casa, e que estava dormindo no interior do veículo na companhia de seus três filhos.

Após a denúncia, a Polícia Civil encaminhou um pedido ao Poder Judiciário, que prontamente atendeu as medidas pedidas, previstas na lei Maria da Penha. Na sequência, uma equipe de policiais compareceu à residência da mulher e deu cumprimento a ordem judicial, fazendo com que o suposto agressor deixasse o local com seus pertences. 

A mulher voltou para casa com os filhos. Já o homem, foi orientado sobre as consequências de eventual descumprimento das medidas, inclusive podendo ser decretada a sua prisão preventiva.