Braço do Norte

O pedreiro Neri Felizardo, 51 anos, morreu na madrugada de sábado, após ser atropelado na ponte de Rio Bonito, em Braço do Norte. Segundo a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) de Gravatal, o motorista apresentava sinais de embriaguez.

Néri atravessa a ponte de bicicleta quando foi colhido por um Gol de Gravatal, dirigido por um jovem de 21 anos. O condutor tentou fugir, mas foi abordado minutos depois. Ele negou-se a realizar o teste do bafômetro. Após o depoimento na delegacia de Braço do Norte, ele foi liberado.

Em Jaguaruna, um acidente registrado por volta de 23 horas de sexta-feira, no quilômetro 5 da SC-442, resultou em lesões graves. Segundo informações do Corpo de Bombeiros Voluntários da cidade, o Ford Ka placas MHN-7957, de Jaguaruna, colidiu com outro veículo do mesmo modelo, placas MHY-7117.

A condutora do segundo automóvel, de 21 anos, foi retirada das ferragens e encaminhada ao Hospital Nossa Senhora da Conceição de Tubarão, em Tubarão, com suspeita de fratura no fêmur.