#ParaTodosVerem Na foto, a escritora Nancy Crampton Brophy, de 71 anos, escuta a leitura de sua sentença de prisão perpétua depois de ser condenada por matar seu marido
Nacy foi condenada por matar o próprio marido em 5 de abril deste ano — Foto: Dave Killen | The Oregonian | Divulgação

A autora do ensaio “How to murder your husband” (Como matar seu marido, em tradução literal) foi condenada à prisão perpétua pelo homicídio do seu companheiro. A sentença foi lida nesta segunda-feira (13). Nancy Crampton Brophy, de 71 anos, terá o direito de optar pela liberdade condicional em 25 anos, segundo a decisão de um juiz do Oregon, nos Estados Unidos. Os detalhes do caso foram abordados durante um mês de julgamento, no qual ela foi acusada de ter comprado uma arma na internet para matar seu esposo e receber milhares de dólares em seguros de vida. A arma nunca foi encontrada. O chef Daniel Brophy foi encontrado em junho de 2018 na sala de aula em um instituto de culinária onde ele trabalhava. Ele tinha dois impactos de bala. Imagens de segurança mostravam sua esposa dirigindo na área na mesma época.

Ela diz não lembrar ter estado ali, mas afirma que poderia ter estado no bairro em busca de inspiração para um novo trabalho de ficção. Nancy negou o homicídio e insistiu que os anos de apertos econômicos eram coisa do passado e que ela não tinha razões para matar o marido. Após a leitura da sentença, os defensores da idosa anunciaram que irão apelar da decisão. O ensaio “How to murder your husband”, disponível em um blog, aborda métodos e motivos para se livrar de um companheiro indesejável. Entre eles, lucro financeiro e uso de armas de fogo, apesar de considerá-las “barulhentas, sujas e requerem certa habilidade”. O mulher também é autora de uma série de romances intitulada “Wrong Never Felt So Right” (O errado nunca pareceu tão certo, em tradução livre) e que inclui títulos como “The Wrong Husband” (O marido errado) e “The Wrong Lover” (O amante errado).

Fonte: France Presse
Edição: Zahyra Mattar | Notisul

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul