#Pracegover Foto: na imagem há várias pessoas
#Pracegover Foto: na imagem há várias pessoas

No último fim de semana, 13 atletas da Associação Desportiva e Recreativa de Atletismo (ADRA) de Tubarão participou do Estadual de Meio Fundo e Fundo, em Timbó, sob o comando do treinador e atleta Felipe Costa da Silva. Pela primeira vez na história do clube, o time foi campeão na pontuação por equipes, seguido das equipes de Balneário Camboriú e de Timbó.

O evento contou com as provas rasas de 800 metros, 1.500 metros, 3.000 metros, 5.000 metros e 10.000 metros, além dos 3.000 metros com obstáculos. A atleta Beatriz Speck recebeu medalha de prata nos 3.000 metros e bronze nos 1.500 metros; o atleta Diogo Zanela garantiu a medalha de prata nos 3.000 metros, ambos na categoria sub 18 anos.

Na categoria adulto, Regislaine Damasio garantiu a medalha de ouro nos 1.500 metros, seguida de Letícia Askel que conquistou a medalha de prata nos 1.500 metros. Willian Muraro foi medalha de prata nos 3.000 metros com obstáculos e 1.500 metros e Murilo Lima, bronze nos 10.000 metros. A equipe participou também do Estadual de provas Combinadas (Heptatlo e Decatlo) sob comando da treinadora Rosane Cardoso Machado, que garantiu a sexta colocação e do Estadual Master de Atletismo onde os tubaronenses Nestor Vieira, Michel Faria e Anderson Corrêa conquistaram seis medalhas.

“Manter os treinos durante a pandemia e sem muitas competições foi um grande desafio para estes atletas, e, com certeza, valeu muito a pena toda esta dedicação. O grupo estava bem motivado e unido, torcendo voltar a volta dos colegas de equipe e, sem dúvidas, isto fez toda a diferença nos resultados”, conta Felipe, que é um dos treinadores contemplados pelo Bolsa Técnico da Fundação Municipal de Esporte.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul