Maycon Vianna
Tubarão

A Central de Polícia Civil de Tubarão abriu inquérito e já iniciou as investigações sobre a morte do serralheiro Roge Moreira, 25 anos, de Tubarão. O rapaz foi assassinado na última quinta-feira, próximo à ponte Manoel Alves Antunes (do Morrotes), por volta das 21 horas, com cerca de dez disparos, seis acertaram o corpo da vítima, inclusive na parte lateral da cabeça.

O assassino efetuou os tiros possivelmente com uma pistola calibre 765, que tem capacidade de efetuar tiros de precisão e possui projétil de 7,65 milímetros. No mercado negro, a arma custa entre R$ 800 a R$ 1 mil. No entanto, a polícia não confirma o calibre da arma e ainda intensifica as investigações.
Familiares da vítima presentes no local do crime confirmam que o assassinato pode ter sido um acerto de contas.

O velório da vítima ocorreu nesta sexta-feira. Amigos, parentes e vizinhos estavam revoltados com a brutalidade do crime. Roge sofria ameaças e estava afastado de Tubarão com receio de ser surpreendido, o que realmente ocorreu.