Jaguaruna

A Polícia Civil de Jaguaruna está prestes a identificar os assaltantes que amedrontaram clientes e funcionários da Lotérica Jaguaruna, no centro da cidade, na tarde da última sexta-feira. Ontem, o delegado que coordena as investigações sobre o caso, José David Machado, viajou até Sombrio para colher mais informações. “Uma quadrilha especializada em roubos pode estar atuando na região sul do estado. São comandados por um gaúcho que já é conhecido da polícia. Não posso relatar detalhes para não atrapalhar nas investigações”, resume David.

Um homem pode ser preso a qualquer momento. O próximo procedimento é fazer incursões no norte do Rio Grande do Sul, na faixa de limite com Santa Catarina. Os dois homens que trocaram tiros com a polícia na fuga após o assalto na lotérica são do estado vizinho. A polícia já sabe o apelido dos envolvidos. “A identificação e a prisão deles é uma questão de tempo. Quero concluir este inquérito em poucos dias”, antecipa David. Todo o dinheiro levado da lotérica, em torno de R$ 7 mil, já foi recuperado pela polícia. A suspeita é que todos os membros da quadrilha sejam do Rio Grande do Sul.