Paulinho Sachetti
Tubarão

Dezenas de motociclistas foram paradas ontem à tarde, durante uma intensa blitz da Polícia Militar, na avenida Patrício Lima, no bairro Humaitá, em Tubarão. Ninguém com moto passava despercebido. Um grande contingente foi escalado para a operação, justamente para que todos fossem vistoriados.

A intenção da blitz foi tentar identificar assaltantes e motos furtadas. “A cidade tem sido alvo de muitos assaltos com motociclistas. Vamos intensificar os trabalhos para tentar chegar aos criminosos e às motos furtadas. Trabalhos como este serão cada vez mais intensos. Agiremos sempre em locais diferentes, sem chamar a atenção do nosso alvo: os bandidos”, afirmou o comandante da operação e chefe do setor de trânsito do 5º Batalhão da Polícia Militar (BPM), tenente Vilson Sperfeld.

Durante todos os trabalhos de ontem, nada de anormal foi encontrado, apenas muitas motos irregulares e condutores infratores. A operação contou ainda com o auxílio do Pelotão de Policiamento Tático (PPT). As novas viaturas, entregues na semana passada, também já operavam.