Uma guarnição da Rede Catarina foi acionada por meio de Whatsapp, pela equipe do CREAS de Orleans, para prestar apoio e averiguar uma situação de descumprimento de medida protetiva de urgência.

Conforme informações iniciais colhidas pelos policiais, a vítima possui uma medida protetiva ativa e estava sendo atendida pela equipe da assistência social daquele município. De acordo com a psicóloga, a vítima entrou em contato e informou que foi ameaçada por seu ex-companheiro e que estaria sendo mantida em Braço do Norte contra a sua vontade.

No local, com apoio de outra guarnição, a vítima confirmou que retornou com o ex-companheiro porque foi ameaçada. Ela afirmou que gostaria de retornar para Orleans, motivo pelo qual entrou em contato com o CREAS.

Diante dos fatos, a guarnição lavrou o presente boletim e encaminhou os envolvidos para a Delegacia de Polícia Civil. Vale salientar que o autor não precisou ser algemado durante a sua condução pois mostrou-se cooperativo.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul