Após receber denúncias de que havia mais uma aglomeração de pessoas em Braço do Norte, a Polícia Militar do município foi acionada ao local. Várias pessoas estavam em um bar no bairro Floresta na noite deste domingo, por volta das 20h.

Tal situação contraria as normas de prevenção à Covid-19, estabelecidas pelo governo de Santa Catarina. Ao chegar no local, a guarnição constatou o descumprimento das regras.

Além da denúncia da aglomeração, os policiais também receberam a informação de que ocorria o tráfico de drogas. Todos os frequentadores passaram por uma revista pessoal.

Não foram encontradas drogas, mas uma mulher usou palavras de baixo calão, como “policiais de bosta” e outros palavrões. A mulher foi presa e um Termo Circunstanciado (TC) em seu desfavor foi registrado.

O Termo Circunstanciado é um registro de um fato tipificado como infração de menor potencial ofensivo, ou seja, os crimes de menor relevância, que tenham a pena máxima cominada em até 02 (dois) anos de cerceamento de liberdade ou multa.

Em tempo:
Braço do Norte havia zerado o número de pessoas infectadas pelo coronavírus, o que foi motivo de muita comemoração pela população, administração pública e órgãos de Saúde.

Porém, nas duas últimas semanas novos casos voltaram a ser registrados. Conforme o boletim atualizado deste sábado (30), são sete pessoas doentes (infectadas), oito casos suspeitos que aguardam o resultado e duas mortes.