Foto:Divulgação/Notisul
Foto:Divulgação/Notisul

Tubarão

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), por meio da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), divulgou, na tarde de ontem, a tabela de distribuição dos 695 novos soldados da PMSC que se formarão na próxima semana. Destes, 35 estarão servindo a 8ª Região da Polícia Militar, e 11 ficarão no 5º Batalhão de Tubarão. Divulgou também a distribuição dos 45 aspirantes a oficial, que encerraram o Curso de Formação de Oficias (CFO) na última sexta-feira.

 As regiões que mais receberam policiais são a 1ª Região Policial Militar (RPM), que atende a Grande Florianópolis, 88 policiais, a 5ª RPM de Joinville, 100 e a 7ª RPM de Blumenau 90.

Os novos soldados vão atuar nas 11 regiões operacionais da Polícia Militar, em 31 municípios catarinenses.

Eles foram distribuídos pelos batalhões seguindo critérios técnicos e objetivos, que levaram em conta os índices criminais da região, efetivo existente na unidade e a relação número de habitantes por policial militar. Os soldados poderão ser remanejados para outras cidades atendidas pelo batalhão.

O comandante-geral da Polícia Militar de Santa Catarina, coronel Paulo Henrique Hemm, falou que os novos policiais formados representam um significativo reforço ao efetivo disponível na corporação. “Buscamos combater a violência e a temos enfrentado com muito trabalho e investimentos por parte do Governo. Queremos que a instituição continue sempre numa crescente de bons serviços e de excelência naquilo que se propõe a fazer em prol da sociedade”, disse o comandante.

Já os 45 novos aspirantes a oficial passarão a atuar nos diversos batalhões da PM pelo Estado, aumentando o efetivo e oferecendo mais segurança para os cidadãos. Eles também vão auxiliar nas ações de planejamento operacional e administrativo.

O secretário da Secretaria da Segurança Pública, César Augusto Grubba, destacou o esforço do governo nas ações relacionadas à área. “Estamos entregando mais de 700 novos profissionais para a sociedade catarinense. Em seis anos, só na PM, já foram mais de 3,5 mil inclusões. É um ato fundamental para a continuidade dos trabalhos da Polícia Militar e para o aumento da segurança da população”, finalizou.

A solenidade de formatura dos novos soldados ocorreu ontem, no Centro de Ensino da Polícia Militar, em Florianópolis.