A organização criminosa é responsável por uma série de delitos praticados nos municípios de Imbituba, Laguna e Paulo Lopes

Doze mandados de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão foram cumpridos pela Polícia Civil por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Laguna. A ação denominada Operação “Chacau” foi realizada nesta segunda e terça-feira (1), em Imbituba, Orleans, Capinzal e Araranguá.

As investigações tiveram início em março deste ano para apurar a célula de uma organização criminosa de origem estadual responsável por uma série de delitos praticados nos municípios de Imbituba, Laguna e Paulo Lopes. Entre esses estão o tráfico de drogas, associação ao tráfico, porte ilegal de arma de fogo e três homicídios praticados – sendo um duplo homicídio na Praia do Sol, em Laguna (março de 2020), e outro em Imbituba (fevereiro de 2020).

A Operação Chacau teve a participação de policiais civis das delegacias de Imbituba, Orleans, Araranguá e da Divisão de Investigação Criminal de Joaçaba.

Integração

Foram cumpridos mandados judiciais nos municípios de Imbituba, Orleans, Capinzal e Araranguá. Dos 12 representados, dez já se encontram presos, à disposição do judiciário. Na investigação houve trocas de informações com a Agência de Inteligência da Polícia Militar de Imbituba, que também auxiliou no levantamento e identificação de alguns integrantes da organização.

“Espera-se, com isso, que sejam reduzidos os crimes contra a vida praticados nesses municípios, muitos deles envolvendo integrantes dessas organizações ou disputas territoriais entre elas promovidas”, destacou o delegado Bruno P. Fernandes, titular da DIC de Laguna e coordenador da operação.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul