A Presidência da Celesc, após reunião com as lideranças das regiões AMREC e AMESC, e em nova audiência a pedido dos deputados estaduais, Ada de Luca, Rodrigo Minotto, Jessé Lopes, Luiz Fernando Vampiro e Zé Milton, chegam a um consenso sobre a reestruturação organizacional da Celesc.

A Macrorregional que até ontem tinha decidido que ficaria em Tubarão, agora será em Criciúma, 

Ficou acordado que, após a locação e mudança para  um novo imóvel, o núcleo sul ficará na cidade de Criciúma. A Diretora de Gestão Corporativa, Claudine Anchite, estima que esse prazo será de aproximadamente 60 dias.