Jair Bolsonaro será empossado presidente em uma cerimônia no Congresso nacional em alguns instantes. A solenidade se estenderá por todo o dia até o último compromisso – um jantar para autoridades no Palácio do Itamaraty, às 18h30.

O presidente eleito deixou a Granja do Torto às 14h10. Próximo ao horário da saída de Bolsonaro da residência oficial, os eleitores dele se aglomeraram em frente ao Torto para acompanhar a partida do comboio.

O grupo de deficientes auditivos chegou à residência oficial em um micro-ônibus por volta das 11h30 e ingressou no Torto imediatamente, sem parar na portaria para identificação porque já tinha acesso liberado. Segundo a TV Globo apurou, eles são convidados da futura primeira-dama, Michelle Bolsonaro, para a posse. Há lugares reservados para o grupo de deficientes auditivos no Salão Nobre do Palácio do Planalto.

A futura primeira-dama é intérprete da língua brasileira de sinais (libras) e atua em atividades sociais com pessoas com deficiência.

Ao longo da manhã, pequenos grupos de eleitores de Bolsonaro circularam pela área externa da residência oficial, muitos deles vestindo camisas da Seleção e carregando bandeiras do Brasil. Sem sinal do presidente eleito ou de integrantes da família Bolsonaro, eles aproveitaram para tirar fotos em frente ao Torto.