Santa Catarina desponta atualmente como o grande estado para turismo no Brasil, isto muito em função da união de esforços públicos e privados, manifesta no trabalho do governo estadual, que fez do Funturismo (único fundo do gênero no país) a grande força impulsionadora do desenvolvimento deste segmento em nosso estado.

Mas, além desta união de esforços, Santa Catarina destaca-se também pela riqueza de atrativos, bem resumida na frase “Os melhores lugares do mundo são assim”. E se o estado é um resumo de belos recantos universais, o sul catarinense é uma síntese de nossos atrativos, uma pedra preciosa que só agora começa a ser lapidada.

No sul, temos em Imbituba uma das mais belas baías do mundo (Praia do Rosa) e a sede da única etapa brasileira do campeonato mundial de surfe (Praia da Vila). Em Tubarão, encontramos um rico patrimônio histórico ferroviário e uma estrutura propícia à realização de eventos acadêmicos e feiras. Estão nesta região fontes termais conhecidas mundialmente, a beleza exuberante das encostas da serra (serra que está “logo ali”), o maior sambaqui do mundo, a maior onda do Brasil, locais perfeitos para o ecoturismo e encantadoras colônias de imigrantes.

Temos em Laguna um verdadeiro parque temático formado pela natureza e pela história, terra de Anita Garibaldi, onde ocorre ainda o maior carnaval de rua do sul do Brasil. E com tudo ainda faltam muitos atrativos a enumerar e a descobrir, belezas que não cabem num artigo como este.
Porém, esta diversidade de riquezas muitas vezes nos dividiu. Só agora estamos trabalhando de forma integrada e planejada, construindo um novo tempo para o turismo desta região.

Finalmente, conseguimos definir a Instância de Governança Regional do Turismo. Mais que isto, vamos – através do Funturismo – implantar um Centro de Desenvolvimento Turístico, iniciativa inédita, que permitirá trabalhar de forma organizada e profissional nossos projetos prioritários.

Projetos que há pouco sequer existiam, mas que agora tomam corpo. Hoje, já se tornou concreta a proposta da Rodovia Turística Serramar, iniciamos os trabalhos quanto ao Roteiro da Diversidade (referente à Bem-aventurada Albertina Berckembrock, já chamada de Santa dos Jovens), atualizamos regionalmente o Plano de Desenvolvimento Integrado do Lazer (PDIL) e formatamos nosso Programa de Integração do Lazer Regional (Pilar).

Com estas iniciativas – somadas a obras como a duplicação da BR-101, Aeroporto Regional e modernização dos portos – o sul de Santa Catarina está, como nunca na história esteve, preparando-se para ser um grande pólo turístico. Vivemos um momento mágico de união de esforços e superação de diferenças. Creio que estamos prontos para fazer do futuro que sempre almejamos o presente que nós construímos.