Maurício da Silva
Prof. e Diretor Presidente da Fundação Municipal de Educação

No texto anterior, elenquei preventivos de disciplina, os quais, junto à aplicação das leis corretivas, constituem a quarta das seis medidas adotadas pela Fundação Municipal de Educação, que objetivam melhorar as atitudes e o rendimento dos alunos. Retomo para explicá-los:

1) Faltas, chegadas tardias e saídas antecipadas – tanto de professores como de alunos constituem a pior lição que a escola pode ensinar. A vida e o mercado de trabalho não perdoam esses deslizes que, também, causam sérios transtornos para a escola.

2) O professor deve: fazer fila para entrada e saída dos alunos em sala de aula (isso educa para convivência cotidiana e preserva-lhes a segurança), recebê-los, tanto na primeira aula como após o recreio e, trocar rapidamente de sala para evitar comportamentos destrutivos (próprios de quando estão a sós).

3) Motivar a participação de todos os alunos na reflexão do início da aula.

4) Não começar a aula sem que todos os alunos estejam receptivos a ouvir. A chamada não precisa ser feita no início da aula. É preferível que se faça no decorrer, quando a classe está trabalhando ou no final da aula.

5) Preparar com os alunos, cumprir e fazer cumprir o Contrato Didático. Eles cumprem mais facilmente as normas quando conhecem os objetivos e participam da elaboração.

6) Explicitar, com clareza e entusiasmo, o objetivo da aula. Ninguém presta atenção no que não parece importante.

7) Exposição demorada dispersa o aluno. A memória visual e a atividade problematizada são mais poderosas do que a audição passiva.

8) O professor deve garantir a vez e o respeito à fala de todos os alunos. Organizar trabalhos em equipe, com o propósito de ensiná-los a ouvir, esperar a vez, argumentar, conviver e produzir com quem não escolheram. Bullying? Tem que prevenir e combater rapidamente.

9) Cantar os hinos (Nacional, da Bandeira, do Município, da Escola etc.) na posição correta e hastear e descerrar as bandeiras, pelo menos, no início e no final da semana, contribui, também, para desenvolver o senso de pertencimento. 

10) Devolver a sala de aula limpa e em ordem. Recolher os gizes ou canetas de lousa, limpar o quadro, desligar a luz e ventiladores, recolher o lixo e colocar carteiras, cadeiras e brinquedos no lugar ao final da aula. É importante contribuir para resolver o problema do desperdício, da poluição e do aquecimento global já a partir da sala de aula.

Se a Prevenção for insuficiente, o Eca (em especial os Art.112 e 129) e o Código Penal (Art. 246) indicam os procedimentos.