Cara presidenta da CDL, quero inicialmente parabenizar a Câmara dos Dirigentes Lojistas pela iniciativa do Dia D aqui em nossa cidade, evento esse que congrega diversas instituições com o objetivo de dinamizar e difundir o comércio, alavancando o desenvolvimento de nossa Tubarão. Ao mesmo tempo, devo registrar a falta de articulação (o que acredito tenha sido feito), ou o despreparo de nossa Guarda Municipal (caso as tratativas tenham sido efetuadas), quanto ao controle do trânsito nas ruas adjacentes a realização do referido evento nesse último sábado, dia 8 de maio.

Nos dias atuais, não podemos esperar que nossa população fique à “mercê” de ordens superiores para que as iniciativas sejam tomadas para benefício de todos. O que se viu, no caótico trânsito de nossa cidade nesse último evento, é a passividade e falta de iniciativa que nossa Guarda Municipal se posicionou na referida situação: parados sob as marquises (fator chuva), muitas vezes em duplas, sem tomar as devidas providências para controlar o fluxo de automóveis. Enquanto isso, as filas se prolongavam em todos os sentidos – Marcolino Martins Cabral, Marechal Deodoro, Lauro Muller, Cel Cabral, Ponte Francalacci, fazendo com que a situação se tornasse insuportável. Quero crer que no ano de 2010, em pleno século 21, nossos trabalhadores, principalmente aqueles pagos com as contribuições dos cidadãos tubaronenses, tenham iniciativas, sejam empreendedores, antevejam soluções, e não fiquem “esperando ordens superiores” para ir controlar o trânsito, minimizando o desconforto de todos aqueles que participam do Dia D.

Acredito, e sou defensor intransigente que eventos desse tipo devam existir sempre, pois são benéficos para nossa cidade, mas do jeito que está sendo realizado, com a Guarda Municipal deixando a desejar, só trará a revolta da comunidade e o levante de vozes contrárias ao Dia D. Na esperança de que na próxima edição, a sintonia ou mesmo a cobrança para que a Guarda Municipal participe do processo efetivamente com ações pró-ativas e de contribuição para o evento, renovamos os desejos de sucesso nessa empreitada, e, o desejo de que “todos” participem para o sucesso do Dia D.