Coronelismo, voto de cabresto, curral eleitoral, QI, apadrinhamento, indicação política, entre outros, são denominações de práticas políticas muito comuns até bem pouco tempo. Aliás, que ainda existem, porém, com menor abrangência.
A abertura democrática, legislação mais controladora e eficiente, controle social, liberdade de expressão, participação popular e conscientização da sociedade estão mudando as práticas administrativas das gestões públicas em nosso país.
As gestões privadas também apresentam grande percentual de ineficiência, porém, estas prejudicam quem as pratica. A decisão e o prejuízo são do dono. O governo até socorre este ou aquele setor, porém, só deve fazê-lo se o problema decorre de contingências conjunturais do segmento e por interesse coletivo.
As gestões públicas, por exigência de uma sociedade mais organizada, estão mudando. A velocidade e a profundidade das mudanças é que diferencia seus gestores.
Tubarão começa a viver um novo tempo. A administração Manoel Bertoncini/Pepê Collaço acaba de tomar uma decisão que, se efetivamente aplicada, transformará o conceito de gestão pública em nosso município.

Nosso prefeito sinalizou com:
• Exoneração de cargos comissionados;
• Reforma administrativa com diminuição do número de secretarias;
• Redução das assessorias especiais do prefeito;
• Redução dos cargos comissionados em todos os níveis;
• Adequação da estrutura da procuradoria (já realizada), de planejamento e da fiscalização;
• Jornada de trabalho de oito horas diárias;
• Criação e implantação de Plano de Cargos e Salários para funcionários com definição da força de trabalho e forma de ascendência;
• Definição da participação de funcionários efetivos na ocupação de cargos comissionados;
• Criação de Conselho Administrativo Especial (Pessoas de destaque na sociedade que passarão a ter uma forma legal de contribuir com sugestões);
• Modernização das ferramentas de Gestão e Controle.

Certamente que muitos que vivem pendurados “nos governos” não gostam dessas práticas anunciadas, pois corre o risco de “sobrar” na nova composição, mas a grande maioria dos funcionários, trabalhadores dedicados, e a totalidade da sociedade, que não trabalha e nem vive de quem trabalha na prefeitura, aplaudirá estas medidas. Os partidos aliados também entenderão e contribuirão para o sucesso delas.
Seguramente, teremos mais recursos para poder prestar um melhor serviço na educação, na saúde, segurança, investir em infraestrutura, entre outros.
Estas medidas, aliadas ao treinamento e capacitação de funcionários, seu comprometimento com as metas fixadas pela administração e a motivação, que certamente a nova estrutura lhes dará, juntamente com a forma moderna e eficiente de administrar, propostas pelo prefeito, criarão um grande diferencial.

O exemplo do gestor é o melhor cobrador de impostos. Tubarão com estrutura enxuta e funcional, funcionários reconhecidos, capacitados e motivados, maior volume de recursos tributários arrecadados, melhor estrutura de procuradoria para cobrar os passivos de contribuintes, programa de recuperação de créditos (Refis-aprovado), parcerias com governos estadual e federal restabelecidas, reaquecimento da economia, ferramentas mais eficientes no controle administrativo e financeiro, com as oportunidades que a nova infraestrutura regional nos dará, terá um grande salto de qualidade.
A coragem é uma das maiores virtudes do homem. Aliada à sabedoria, torna-se eficiente. Parabéns, prefeito.