Há um ano e três meses, já escrevi que essa Cosip deveria ser extinta, na carona do fim da CPMF, já que os responsáveis por essa bravura (PSDB/DEM) também mandam por aqui.
Mas, passado todo esse tempo, volto novamente ao assunto, pois quem sabe um legislador interessado do nosso município ou região possa tomar a dianteira para acabar com essa arrecadação volumosa, que ninguém sabe onde o dinheiro é aplicado, pois não há necessidade de prestar contas.

Muita gente queria o fim da CPMF, que concordo plenamente. Agora, por pura ideologia, ficam quietos, aderindo à Lei de Gerson…
Aliás, com o fim da CPMF, alguém sabe de algum produto que baixou de preço? Pois o empresariado alegava que a CPMF implicava em até 3% no valor das mercadorias dentro da cadeia produtiva, ou seja, da fábrica até o consumidor final.
Nossa câmara de vereadores não tem tradição de criar algo que resulte em benefício financeiro à nossa população, está preocupada apenas em ser subalterna de outros poderes.

Vi muitos vereadores na última campanha política prometendo fazer algo de bom à população. Até agora, não vi nada. Então, quem sabe agora está na hora de reagir e fazer pelo menos uma coisa boa aos tubaronenses, já que isso não é tudo…
Minha intenção um ano e três meses atrás foi iniciar uma campanha para acabar com outras imposições absurdas, como pedágio, taxa de estacionamento, Cosip, Cide, etc.
Poderíamos então iniciar com a Cosip, pois este imposto é pago por todos os brasileiros, ricos ou pobres, já que quem tem mansão, casa ou barraco paga a Cosip.
Ao contrário da CPMF, que só cobrava de quem tinha dinheiro nos bancos, ou seja, dos ricos (teoricamente).

Eu, por exemplo, que não tenho conta em banco, não pagava a CPMF, mas de Cosip pago na média de R$ 6,50 a R$ 8,00 mensais ou 4% da fatura de energia.
Então, por baixo, todo mundo paga em média de 3,5% a 4,8% da conta de energia.
E quem mora em prédios paga duas vezes: do seu apartamento e na conta do condomínio, mas a lâmpada que ilumina é uma só. E não ilumina nada quem mora a partir do 2º andar…

Veja sua fatura de energia elétrica e faça as contas…
É dinheiro que não acaba mais, mais que a CPMF!!! E ninguém sabe quanto arrecada, pra onde vai, o que sobra, etc.!
Você pode aproveitar e falar com políticos e outros homens públicos que você conhece, para aderir essa campanha, de acabar já com a Cosip.
Então: Só a CPMF? Vamos acabar com a Cosip!!