#PraCegoVer Na foto, jogadores de futebol comemoram
- Foto: Ilustrativa | Divulgação

Antes do início da temporada 2021-22 do futebol europeu em agosto, era o recém-formado trio do Paris Saint-Germain de Neymar, Lionel Messi e Kylian Mbappé que estava sendo apelidado de o melhor ataque do mundo – com todos, inclusive aqueles que aposta esportiva, alegando que os gigantes franceses iriam afastar o resto do continente com facilidade no caminho para seu primeiro título da Liga dos Campeões. Mas, como a linha de frente do PSG deveria ter medo de enganar – com rumores de que Neymar está aparecendo para treinar “quase bêbado”, o futuro de Mbappé parece estar em outro lugar e Messi claramente não está aproveitando seu tempo em Paris depois de ter sido forçado a sair de Barcelona contra sua vontade – é uma dupla surpresa na capital espanhola fazendo todas as manchetes.

É verdade, o experiente Karim Benzema e o promissor Vinícius Júnior incendiaram a Europa no famoso branco do Real Madrid – formando uma parceria mortal para o Los Blancos até agora nesta temporada, uma parceria que seus próprios fãs provavelmente nem viram chegar, uma vez que o jovem brasileiro teve um desempenho abaixo do esperado em suas três campanhas anteriores no exigente Santiago Bernabéu. Tão mal, de fato, que Benzema até disse a seu companheiro de equipe Ferland Mendy para parar de passar a meio de uma partida em 2020. Apanhado pela câmera no túnel antes do segundo tempo contra o Borussia Mönchengladbach, o francês foi ouvido dizendo ao lateral esquerdo: “Não jogue com ele. Na vida de minha mãe, ele [Vinícius] está jogando contra nós”. Mendy só passou para o brasileiro três vezes nos segundos 45 minutos, como resultado, e Benzema pediu desculpas depois que as filmagens foram divulgadas nas mídias sociais. No entanto, é claramente esquecido há muito tempo no acampamento de Madri, já que a dupla começou a rasgar defesas na Espanha e em toda a Europa – tornando Madri mais favorável em locais como Betfair.

Com grande congelamento sob Zinedine Zidane, com rumores de uma partida do Real muitas vezes chegando à tona, Carlo Ancelotti parece ter feito sua mágica nesta temporada – finalmente sendo capaz de tirar o melhor proveito do Vini Jr. depois de anos de tentativas. E isso parece ter dado alguma vida de volta ao Benzema, já que ele já marcou mais gols no Campeonato Espanhol (24) nesta temporada do que em qualquer um dos cinco anteriores. A dupla realmente formou uma imensa parceria nesta temporada, com o Benzema marcando 38 vezes e registrando 13 assistências em 38 partidas, enquanto o brasileiro encontrou o fundo das redes 17 vezes e marcou o mesmo número de gols em 43 partidas. De maneira surpreendente, 12 das 17 assistências do Vini Jr. nesta temporada foram para os gols do Benzema. Em resposta, o jogador de 34 anos armou para o jovem brasileiro sete de seus 17 gols.

Isso significa que eles combinaram para 19 gols nesta temporada – uma quantidade realmente inacreditável. Eles até uniram forças para derrubar a elite da Europa na Liga dos Campeões. Na sequência do PSG 2-0 no placar agregado, Vini Jr. jogou a bola para o Benzema para o primeiro gol de seu hattrick do segundo tempo, enquanto ele inspirou um surpreendente retorno para ganhar o empate por 3-2 para o Madrid, e eles não foram feitos lá. O brasileiro armou o primeiro dos três gols de Benzema contra o Chelsea em Stamford Bridge na primeira etapa do confronto das quartas-de-final com os atuais campeões, e ele estava novamente na prorrogação para negar ao time da Premier League um surpreendente retorno – seu cruzamento encontrando a cabeça de Benzema para restaurar a vantagem do Madri na morte. Se estes dois conseguirem manter esta fantástica parceria até o final da temporada, então o Madrid terá uma grande chance de conseguir um duplo La Liga-Champions League!

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul