Karen Novochadlo
Tubarão

Nunca é cedo demais para se preparar ao vestibular. Ou mesmo para começar a pensar em que profissão você quer seguir. É lógico que durante o caminho você pode – e deve – mudar de ideia. Ninguém merece fazer aquilo que não gosta. Mas seja como for, o tempo de estudo nunca é perdido. É um investimento.

Se você está no ensino médio, é hora de preocupar-se com sua carreira. Mas como montar um cronograma de estudo? Com tantas matérias para se preocupar, provas, atividades extracurriculares… É um pouco complicado programar os estudos, mas não é impossível.

No colégio Dehon, em Tubarão, os alunos do ensino médio recebem ajuda para se organizar e não perder o foco. “O estudante, às vezes, necessita de ajuda para conciliar as várias atividades em que está envolvido, e ainda arrumar uma horinha para o lazer”, explica a coordenadora pedagógica do ensino médio, Geruza Goulart Souza.

O cronograma é montado conforme o tipo de profissão que o aluno está de olho. Afinal, o vestibular é muito mais concorrido para alguns cursos – caso da medicina, por exemplo – do que para outros. Se você está interessado em fazer um cronograma, Geruza dá as dicas: é preciso incluir um tempo para revisar as matérias, fazer as tarefas de casa e frequentar as aulas de reforço. E nunca deixe para estudar somente na véspera da prova.

Como criar um ambiente de estudo
• Defina qual o horário do seu dia é melhor para os estudos.
• Nunca estude somente na véspera da prova.
• O ambiente de estudo deve ser um local calmo e agradável.  
• Esqueça do rádio, televisão, telefone, computador. Eles podem desviar a sua atenção.
• Não estude deitado.
• Os materiais que serão utilizados devem estar próximos de você.
• É importante que você defina os horários de refeição. Não coma durante os estudos ou fique sem comer. A fome prejudica a concentração.
• Mantenha uma alimentação saudável e equilibrada.
• Faça um intervalo de dez minutos a cada hora de estudo. Mas não na frente do computador.

Passei no vestibular
Vestibular é uma palavra constante na vida dos estudantes do ensino médio. Alguns alunos já se preparam desde cedo, como a aluna Sabrina Marcon, do colégio Dehon. No ano passado, ela prestou o vestibular por experiência na UFSC. Acabou que passou em química. Seu segredo foi a disciplina, o material didático e as horas a mais dedicadas ao estudo.

Aprenda a respeitar as diferenças
Somos todos diferentes, certo? Corretíssimo! É importante respeitar os nossos amigos, colegas, vizinhos. São essas diferenças que nos tornam tão especiais. Estes temas serão desenvolvidos na sala de aula pelos alunos do ensino fundamental e infantil do colégio Dehon este ano letivo.

Vida de professor não é fácil: é preciso estudar sempre
Entre os dias 28 e 31 deste mês, será realizada, na Unisul, a terceira edição do Simpósio sobre Formação de Professores (Simfop). O objetivo é debater sobre o processo de formação e profissionalização de docentes da educação básica. O tema do simpósio será tecnologias e inovação na educação básica. O evento faz parte dos cursos de licenciatura da Unisul (pedagogia, matemática, geografia, história, ciências biológicas, letras e artes), do mestrado em educação, do mestrado e do doutorado em ciências da linguagem, e dos cursos de sistemas de informação e ciências da computação.