Início Geral Governo suspende pesca da tainha no estado: “Santa Catarina está atrapalhando”

Governo suspende pesca da tainha no estado: “Santa Catarina está atrapalhando”

Foto: Governo do Estado - Divulgação: Notisul Digital

O Governo Federal decidiu suspender a pesca artesanal da tainha em Santa Catarina, afetando embarcações com emalhe anilhado, apenas 15 dias após o início da temporada de 2024. A decisão gerou indignação entre o governo estadual e os pescadores catarinenses.

Indignação entre governo e pescadores

Secretário da Pesca critica falta de transparência

O Secretário da Pesca de SC, Tiago Bolan Frigo, criticou a falta de transparência do Ministério da Pesca na tomada de decisões. Ele destacou a insatisfação com a postura do governo federal:

  • Imposição de sigilo nas planilhas no ano passado
  • Redução da cota pela metade sem justificativa clara
  • Declaração de que Santa Catarina “estava atrapalhando”

Prazo para último desembarque

Embarcações devem encerrar pesca até terça-feira

Um comunicado do governo federal determinou que as embarcações autorizadas podem efetuar o último desembarque de tainha até as 22h50min desta terça-feira (4). A restrição é específica para barcos a motor com emalhe anilhado.

Modalidades de pesca não afetadas

Pesca industrial e arrasto de praia continuam

A safra industrial de tainha, iniciada em 1º de junho, continua até 31 de julho ou até atingir as cotas estabelecidas de 480 toneladas. Outras modalidades, como a pesca de arrasto de praia, permanecem sem limitações de captura.

Reações e ações futuras

Pescadores buscam reverter a decisão

A Colônia de Pescadores Z-11, de Florianópolis, enviou um ofício ao Secretário, afirmando que a decisão é baseada em informações frágeis e que implica restrições desiguais para Santa Catarina. O governo estadual planeja buscar providências urgentes para reverter a decisão.

Sair da versão mobile