Um município que realmente preza pelos direitos dos animais precisa estar atento à reprodução desenfreada de cães e gatos, sejam eles abandonados ou domésticos. Trata-se de uma tarefa que exige planejamento, conhecimento técnico e sobretudo, vontade política, uma vez que a ação pode ser onerosa e pouco vistosa eleitoralmente falando.

Felizmente, há pessoas engajadas nessa luta, como o vereador e veterinário Edson Rodrigues, que atua em Itaquaquecetuba (SP). Por conta própria, o político criou um dos maiores programas de castração animal do país: o Castramóvel, que já atendeu gratuitamente cerca de 14 mil cães e gatos.

Edson decidiu atuar no controle de reprodução dos animais, ciente de que grande parte dos filhotes que irão nascer estarão condenados a viverem nas ruas, passando fome e sede, ficando doentes e sendo sujeitos a maus tratos, como a realidade nos mostra.

Assim, semanalmente, o Castramóvel, que é um ônibus adaptado para a castração e atendimento médico gratuito de cães e gatos, castra centenas de animais em Itaquaquecetuba de forma gratuita – e indolor, vale frisar.

“Durante dois anos fui economizando do salário de vereador e juntando um pouco ali, outro aqui. Comprei o ônibus e aos poucos fui fazendo as alterações. No final do ano passado o Castramóvel ficou pronto”, conta o vereador.

“Com a castração a cidade terá menos abandono e menos transmissão de doenças, tanto de um animal para outro quando as zoonoses, transmitidas de animais para pessoas. A castração é de suma importância para controlar a natalidade dos animais e para administrar a saúde pública com menor custo e maior eficiência,”, explica Paiol.

“Nos últimos dias, batemos a meta de 14 mil castrações de cães e gatos em Itaquaquecetuba e região, nossa meta é fechar 2019 com 15 mil em mais quatro mutirões que devem ocorrer ao longo do mês [dezembro]”, destaca o vereador idealizador do Castramóvel.