Foto: Marcelo Becker/Decom/PMT/Divulgação/Notisul
Foto: Marcelo Becker/Decom/PMT/Divulgação/Notisul

Tubarão

Doze famílias que tiveram as residências parcialmente ou totalmente destruídas no vendaval de 16 de outubro de 2016 receberam, nesta segunda-feira (18), na sede da Defesa Civil do município, o benefício do kit de material de construção. Os recursos para a compra dos materiais vieram da doação da empresa Alcoa (R$ 30 mil) e da empresa mantenedora, a Arconic Innovation Engineered (US$ 30 mil), sediada nos Estados Unidos.

Agora, as famílias poderão retirar as madeiras e demais materiais em duas empresas que participaram do processo de licitação e ofereceram o menor preço pelos itens necessários. Os benefícios recebidos variam conforme os prejuízos causados pelo vendaval em cada imóvel. Uma instituição de Tubarão também ajudará com voluntários na mão de obra.

“Agradeço a todas as famílias pela paciência que tiveram até hoje para receber esse benefício. São muitas as burocracias que tivemos que enfrentar para chegar até aqui e não teve um dia sequer que deixei de pensar em todos vocês”, disse a servidora de carreira da Defesa Civil de Tubarão, Elna Fátima Pires, que na época do vendaval era coordenadora do órgão e acompanhou todo o drama das famílias.

Uma das beneficiadas com esse kit de materiais de construção, dona Luciana Souza da Silva, moradora do bairro São Martinho, vai poder reconstruir a residência da qual só restou o banheiro após o vendaval. De forma improvisada, ela e a família continuaram morando no local.
“Agora, vamos poder reconstruir tudo, graças a Deus. Os parentes ajudam, os vizinhos também e assim tudo se resolve”, comenta Luciana.

Para a chefe de Gabinete da prefeitura, Kércia Cardoso Menegaz, que participou da solenidade de entrega dos kits de material de construção, o benefício também representa a união e solidariedade de milhares de pessoas em um momento de tristeza em toda a cidade.

“Infelizmente, tivemos uma morte e muita destruição, mas a cidade se reergueu, os empresários mantiveram suas atividades e agora vocês, finalmente, também vão poder reconstruir suas casas. Foi um momento de solidariedade muito importante para Tubarão”, destaca Kércia.