Priscila Loch
Tubarão

Uma região com grande potencial! Os 19 municípios da Grande Tubarão, e mais Orleans, estão focados no desenvolvimento, prontos para receber novos empreendimentos. Aliás, esta é a hora de investir por aqui!
As circunstâncias são realmente promissoras. A finalização de obras como a duplicação da BR-101 e do Aeroporto Regional Sul, em Jaguaruna, a ampliação do Porto de Imbituba, reforço no de Laguna, as perspectivas de ligação da ferrovia com a malha nacional e o asfaltamento e recuperação de vias de importância regional já começaram a impulsionar a economia.

O déficit em infraestrutura diminui gradativamente e o Notisul, mais uma vez, contribuirá com este bom momento. O jornal lança em breve a revista Força Regional, um verdadeiro guia dos segmentos mais propícios a receber investimentos. As cidades já começaram a ser visitadas e a produção do material jornalístico está a todo vapor.

Todos os municípios da região terão espaço igual para mostrar o que têm melhor. E as maiores empregadoras de cada um – de 10 a 20 – serão homenageadas em um jantar no dia 24 de maio, no Clube 29 de Junho, em Tubarão. Os troféus, que levarão o nome de Aloísio Schilickmann, empresário de sucesso na região, no estado, no país, não terão custo algum a quem receber.
Aloísio é simplesmente o empreendedor de maior sucesso em São Ludgero em todos os tempos, e um dos maiores no sul do Brasil no ramo de plástico descartável. O fundador do Grupo Incoplast/Copobras faleceu no dia 15 de janeiro de 2009, aos 86 anos. Deixou na cidade uma história construída pela determinação, trabalho e competência, com uma grande visão de futuro. O Força Regional já é sucesso absoluto!

Regiões metropolitanas

A região metropolitana de Tubarão foi criada a partir da sanção do projeto de lei complementar 52/09, em dezembro de 2010. O principal benefício é que desta forma os municípios, especialmente os menores em número de habitantes, podem ser alvo do desenvolvimento de projetos maiores, pois os recursos, quando solicitados para uma região, têm prioridade de investimento, especialmente junto ao Ministérios das Cidades.
As sedes das regiões são Florianópolis, Blumenau, Rio do Sul, Joinville, Lages, Itajaí, Criciúma, Tubarão e Chapecó. Integram a Grande Tubarão: Capivari de Baixo, Gravatal, Jaguaruna, Pedras Grandes, Sangão, Treze de Maio, Braço do Norte, Armazém, Grão-Pará, Rio Fortuna, Santa Rosa de Lima, São Ludgero, São Martinho, Laguna, Garopaba, Imaruí, Imbituba, Paulo Lopes e Tubarão.