Uso de máscara passa a ser obrigatório também em Imbituba

Em um decreto assinado nesta quinta-feira, o prefeito Rosenvaldo Júnior orienta o uso de máscaras para o acesso e desempenho de atividades em prédios públicos e comércio em geral.

Com a retomada das atividades econômicas em Santa Catarina os municípios agora estão focados em criar medidas que minimizem o contágio do coronavírus.

Em Imbituba, o prefeito Rosenvaldo Júnior tornou obrigatório o uso de máscaras para o acesso e desempenho de atividades em prédios públicos e comércio em geral.

Em um decreto assinado nesta quinta-feira, o prefeito orienta que poderão ser utilizadas máscaras de pano confeccionadas de forma artesanal, desde que estejam devidamente fixadas e ajustadas ao rosto e cobrindo totalmente a boca e o nariz.

O decreto tem validade a partir desta sexta-feira e a obrigatoriedade passa a vigorar a partir de domingo (19). Nesta sexta e sábado quem sair nas ruas sem proteção receberá orientações sobre a vigência do decreto.


Será necessária a utilização de máscaras:

– Para uso de táxi ou transporte compartilhado de passageiros;
– Para acesso aos estabelecimentos prestadores de serviços essenciais, tais como
supermercados, mercados, mercearias, padarias, farmácias, drogarias, entre outros;
– Para acesso aos estabelecimentos comerciais que tiverem suas atividades liberadas
e retomadas;
– Para o desempenho de atividades laborais em ambientes compartilhados com outras
pessoas, nos setores público e privado.

No decreto, o prefeito reforça que é de responsabilidade de cada estabelecimento garantir o cumprimento das medidas, “ficando sujeito à fiscalização dos órgãos públicos e às penalidades previstas em Lei, as quais poderão incluir a aplicação de multa, interdição, suspensão das atividades e até cassação de alvará de funcionamento”.

O prefeito informou que a Secretaria de Saúde já comprou material para confeccionar máscaras e distribuir àqueles que não conseguirem adquirir.