#Pracegover Foto: na imagem há o santíssimo sacramento e velas
#Pracegover Foto: na imagem há o santíssimo sacramento e velas

Depois de uma semana de adoração ininterrupta, confissões e missa diária, o Cerco de Jericó da Igreja Santo Antônio de Pádua, no bairro Santo Antônio de Pádua, em Tubarão,  iniciado no último sábado (22), encerra-se amanhã (29). O sábado será todo festivo. O evento tem reunido  um grande número de fiéis durante todos os dias e superou a expectativa dos organizadores.

O Cerco consiste em uma semana de oração intensa, jejum, confissão, adoração ao Santíssimo e celebração da Eucaristia diariamente. Segundo os religiosos, as muralhas caem pelo poder da adoração. O tema desta edição foi:  “Nós amamos porque ele nos amou primeiro”, 1João 4,1.

O evento também contou com a participação de padres e pregadores convidados para tornar esse momento um encontro ainda mais profundo com Deus. A cada dia, um tema e um lema conduziram a espiritualidade da iniciativa, destacando a participação de Maria e os dons do Espírito Santo para evangelização dos fiéis.

O Cerco de Jericó faz referência ao texto sagrado que conta que quando os israelitas chegaram a Terra Prometida se depararam diante das grandes muralhas de Jericó que os impediam de prosseguir a caminhada. Obedecendo a voz de Deus, Josué, sucessor de Moisés e líder do povo, convidou o povo de Israel a orar durante sete dias e sete noites rodeando as muralhas de Jericó. Josué e os israelitas acreditaram na promessa divina de que no sétimo dia, durante a sétima volta, as muralhas cairiam e eles alcançariam a vitória, o que de fato ocorreu.

Hoje, os fiéis se colocam diante da presença de Jesus na Eucaristia e, depositando seus pedidos e preces, clamam para que as muralhas que os impedem de viver uma vida santa e feliz possam ser derrubadas. O evento é um costume que surgiu em 1979 na Polônia, com o Papa João Paulo II rezando o terço rosário com o Santíssimo Sacramento.

Muitos visualizam no Cerco uma oportunidade de as pessoas curarem feridas anteriores, traumas, medos e, assim, alcançarem a salvação de suas almas. No caso daqueles que já desenvolvem a fé dentro da comunidade, este é um período propício para fomentar o crescimento espiritual.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul