Tom Cavalcante, 46 anos, disse em entrevista que, após ser impedido de imitar Silvio Santos, ficou com “um sentimento de tristeza”, já que admira o trabalho do apresentador e dono do SBT e que nunca teve a intenção de ofendê-lo.

“Nunca tive a intenção de ofendê-lo. O sentimento é de tristeza e preocupação por constatar que, em pleno século 21, quando o mundo avança na democracia, na liberdade de expressão, tenha pintado esse tom de censura”. Após fazer sucesso em diversos humorísticos da Globo, Tom Cavalcante aceitou a proposta de ter um programa na Record e disse que não tem intenção de mudar de emissora.