A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal aprovou, nesta quarta-feira (26), projeto de lei da Câmara (PLC 27/2017) que prevê o combate de abuso de autoridade por meio de medidas contra impunidade e corrupção. O texto original do projeto define como crime de abuso de autoridade condutas praticadas por autoridades ou agentes públicos “com a finalidade específica de prejudicar outrem ou beneficiar a si mesmo ou a terceiro, ou, ainda, por mero capricho ou satisfação pessoal”.

A proposta se originou de um pacote de medidas contra corrupção elaborado pelo Ministério Público Federal, mas que foi desfigurado por deputados em 2016. Agora, o texto segue para o plenário da Casa, onde será avaliada pelos senadores. 

O debate voltou à pauta em meio aos vazamentos de mensagens do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e procuradores da força-tarefa da Lava Jato. As mensagens teriam sido trocadas enquanto Moro atuava como juiz da operação. 

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil