#Pracegover Na foto, Tempestade Raoni sobre a costa do Litoral Sul
Foto: MetSul

O litoral de Santa Catarina ainda estará nesta quinta-feira, 1º, sob a influência da tempestade subtropical Raoni – que se formou, segundo os meteorologistas, de forma rara para o período – provocando agitação no mar.

Segundo a Epagri/Ciram, a condição de ressaca e ondas altas próximo da costa seguem até a tarde desta quinta. É desaconselhada a navegação de pequenas e médias embarcações. As ondas, na região mais ao Sul de Florianópolis, por exemplo, poderão alcançar o pico de 3,5 metros de altura.

De acordo com o órgão que presta serviços de previsão do tempo no Estado, o ciclone classificado como Tempestade Subtropical encontra-se, pela última atualização, em deslocamento para Leste (alto-mar), na altura do litoral norte do Rio Grande do Sul e Sul de Santa Catarina.

A meteorologista Marilene de Lima explica que, com relação aos ventos, não há com o que se preocupar. “O que chega para Santa Catarina são ondas um pouco mais altas, que no horário da maré mais elevada podem provocar alguns alagamentos. O risco de ressaca também é menor”, aponta.

Fenômeno raro
Conforme a Epagri/Ciram, o sistema é considerado raro no inverno em latitudes mais ao Sul, e chamou a atenção do mundo pelas peculiaridades de sua formação. O ciclone, com ventos fortes ao redor de seu centro, causou agitação no mar, gerando ondas altas, que se propagam na área oceânica e em forma de swell (ondulação contínua) em áreas próximas da costa. Em Santa Catarina, os acessos aos portos de Itajaí e Navegantes chegaram a ser fechados por causa de intensas rajadas de vento e mar agitado.

O fenômeno se originou no Uruguai, como um ciclone, e evoluiu para tempestade subtropical. A formação entra para a lista da Marinha do Brasil, mesmo tendo iniciada em outro país. “Raoni” quer dizer “grande guerreiro”, em tupi-guarani.

Apenas a Marinha do Brasil pode “batizar” os sistemas meteorológicos especiais em águas oceânicas brasileiras. Os nomes são atribuídos  aos sistemas que alcançam força suficiente para serem classificados como uma tempestade subtropical.

Previsão do tempo: frio continua no Estado

Segundo a previsão do tempo da Epagri/Ciram, a noite desta quarta-feira, 30, e amanhecer de quinta, 1º, ainda será de temperatura baixa. As mínimas estarão entre -4°C e 4ºC, com formação de geada mais ampla do Oeste ao Planalto, e de forma isolada no Alto Vale do Itajaí e Florianópolis Serrana. No Litoral, ainda vai fazer frio com mínima de 6°C a 10ºC na maioria dos municípios.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul