#Pracegover Foto: na imagem há uma tartarura, areia e o mar
#Pracegover Foto: na imagem há uma tartarura, areia e o mar

Ameaçada de extinção, uma tartaruga-de-pente (Eretmochelys imbricata) resgatada no final de outubro de 2021, no Mar Grosso, voltou à natureza na última semana. O animal recebeu tratamento de estabilização pelo Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), da Udesc de Laguna, e foi devolvido ao habitat natural pela equipe do projeto Tamar, em Florianópolis.

“Nas primeiras semanas ela rejeitava todos os alimentos oferecidos, então era alimentada com papinha de peixe. Logo começou a se alimentar sozinha, porém com bastante seletividade, aceitando apenas camarão e rejeitando os outros alimentos”, explica a médica veterinária do Tamar, Joice Bitencourt.

Segundo o órgão, depois de algum tempo, começou a se alimentar também de peixe, o que impulsionou o ganho de massa corporal e normalização dos parâmetros sanguíneos. Com a resolução das alterações sanguíneas nos exames, a tartaruga passou por um período de ganho de massa corporal para então receber alta e ser devolvida à natureza com sua saúde restaurada, pesando 3,2kg e medindo 33cm de comprimento de carapaça.

Sobre o PMP-BS

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no polo pré-sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

Caso encontre algum animal marinho vivo ou morto, entre em contato com o projeto pelo telefone 0800 642 3341.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: Agora Laguna