Bertoldo Weber
Braço do Norte

Aos 28 anos, a jovem Mabel da Silva, professora da Asacad (Casa Lar), em Braço do Norte, é um talento raro e tem se tornado celebridade por onde passa. Ela possui um talento natural para cantar e emociona o público onde se apresenta. A professora tem uma desenvoltura fantástica, com boa voz e dicção, além da pronúncia perfeita das palavras de clássicos da MPB, internacionais e gospel.

Formada em pedagogia e trabalhando atualmente como professora na Asacad, entidade que proporciona reforço escolar e desenvolve atividades para mais de 200 crianças de Braço do Norte após o período escolar, Mabel adotou Braço do Norte como cidade do coração e conta que desde pequena gosta de ouvir música e cantar. “Sou eclética e gosto de ouvir música e cantar. Quando criança e na adolescência, participei de várias competições e festivais musicais e sempre disputei a final. Mas nunca levei a sério”, lembra.

Mabel é natural de Pinhalzinho, oeste catarinense, onde participou de vários concursos. Além disso, também participou em Braço do Norte e em Florianópolis. “Inclusive, em uma das participações, tirei primeiro lugar, ganhei uma viagem a Buenos Aires, mas por motivos particulares não fui. As pessoas dizem tenho grande potencial natural para cantar”, admite.

Ela explica que sabe que precisa estudar música e vocal. “Recebi convites para participar do coral de Braço do Norte e para cantar em bandas. Alguns anos passaram e, devido às dificuldades financeiras e à atenção que precisei dar a minha filhinha Laíza (tem paralisia no lado direito do corpo), deixei este negócio de cantar um pouco de lado.

Agora, as expectativas voltaram a aparecer, alguns convites e a motivação também. A maior incentivadora é a coordenadora da entidade onde trabalho, Marli Sombrio”, relata.