Subtenente da reserva da Polícia Militar de Laguna morre vítima de Covid-19

Graciano Manoel da Rocha tinha 63 anos. Era de Laguna e atualmente trabalhava como segurança da Secretaria Estadual da Fazenda em Tubarão.

Morreu na manhã desta segunda-feira o lagunense Graciano Manoel da Rocha aos 63 anos, vítima de complicações da Covid-19. Ele estava internado no Hospital Socimed, em Tubarão, há cerca de 35 dias.

O velório foi na capela Mortuária Cristo Rei, no Centro de Laguna, no começo da parte e o corpo foi cremado no Crematório São Matheus, em Capivari de Baixo.

Graciano era subtenente da reserva na Polícia Militar de Laguna, e em nota, a PM lamentou a perda do amigo. ” É com pesar que o comando do 28º Batalhão de Polícia Militar informa o falecimento do subtenente da reserva, Graciano Manoel da Rocha, ocorrido na manhã desta segunda-feira, dia 18, no Hospital Socimed, em Tubarão. Jamais sejam por nós esquecidos”.

Antes do corpo de Graciano ser levado para ser cremado, a PM fez honras militares em homenagem ao subtenente.  Graciano estava afastado da PM e atualmente trabalhava como segurança da Secretaria Estadual da Fazenda em Tubarão. Deixa esposa e dois filhos.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul