A empresa catarinense Cognisigns – Tecnologia da Informação e Serviços recebeu o Prêmio de Inovação Internacional por uma tecnologia de inteligência artificial para o diagnóstico de transtornos neurológicos. O empreededor Leandro Mattos compareceu à tribuna da Assembleia Legislativa, durante a sessão ordinária desta quinta-feira (12), a convite do deputado João Amin (PP), para divulgar a tecnologia, uma espécie de scanner digital que possibilita a identificação de autistas. A startup foi reconhecida nos Emirados Árabes como uma das cinco melhores startups na área de saúde.

Mattos disse que a empresa Cognisigns foi montada em Florianópolis por conta do ecossistema criado na Capital, que apoia empresas do setor tecnológico. “Somos muito gratos porque sem esse apoio não teríamos criado a empresa.” A tecnologia de scanner digital desenvolvida pela Cognisigns começará a ser implantada para a identificação de autistas no mundo árabe. O empreendedor pediu o apoio dos deputados para que a tecnologia seja implantada primeiramente em Santa Catarina. 

No dia 2 de abril, dia mundial do autismo, a Cognisigns promoverá um mutirão de triagem gratuito em Florianópolis. Estima-se que 1% a 2% da população tenha o transtorno do espectro autista (TEA), o que daria de 2 a 4 milhões de pessoas no Brasil, conforme Mattos. Ele desafiou os deputados a apoiarem o movimento pela ampliação da identificação dos autistas, começando por Florianópolis. “Apenas 0,15% dos casos são identificados. Queremos chegar a 80%. Se nos dermos as mãos, conseguiremos mudar a causa autista em Santa Catarina e no Brasil”, incentivou. Conforme o empreendedor, parte da tecnologia é gratuita, por isso a startup é classificada como empresa de impacto social.