Priscila Alano
Tubarão

Cadeira de rodas é sinônimo de liberdade para o ex-catador de papelão Jair Godói Diomário. O tubaronense, morador do bairro Humaitá, conquistou esta liberdade esta semana. Portador de necessidades especiais, ele não consegue locomover-se sem auxílio.

O equipamento, motorizado, foi doado através de uma campanha promovida pela Sociedade São Vicente de Paulo, da Catedral, com o objetivo de proporcionar melhor qualidade de vida a Jair. “Desde adolescente, luto para ter uma cadeira. Teve uma época que eu ganhei uma cadeira normal, mas tenho problema no braço e não conseguia empurrar. Agora, com esta motorizada, posso sair de casa”, comemora Jair, que é assistido pelos vicentinos. “Quando vi a cadeira quase não acreditei, era um sonho”, revela.

O presidente dos vicentinos, Hélio César Sampaio, destaca: a entidade tem como meta realizar ações para melhorar as condições de vida das famílias assistidas.

Contato
A paróquia que desejar fundar o grupo dos vicentinos pode entrar em contato com a entidade, na Catedral, ou através do telefone (48) 9636-1039.